Recorde de Trilheiros na Trilha do Telégrafo

Após dois meses de organização pela equipe Javalama do Moto Clube de Paranaguá, estávamos todos no Cacatu, em 11/11/2006, município de Antonina, ponto de apoio para a largada.

Eram 55 motos alinhadas, numeradas e catalogadas. Entre elas estavam as equipes Galo Véio, Equiperdida, Encalhatrilha, Borboleta, Red Jegue, o pessoal de Matinhos e o pessoal do Javalama.

 

O nosso objetivo era levar esse pessoal até Cananéia/SP, com o menor número de baixas possíveis. Às 09:00 h foi dada a largada para o maior desafio de todos os tempos. As primeiras baixas foram do Javalama quando a DT-180 do Jair e a Agrale do Ocimar estouraram o motor próximo a Tagaçaba. Eles voltaram de ônibus até o Cacatu e pegaram uma carretinha emprestada para rebocar suas máquinas.

 

Às 11:00 h, após 90 km de estradão, entramos na Trilha do Telégrafo, sendo que a equipe Red Jeque havia ficado para trás com um pneu furado. Logo no início tivemos também o pneu traseiro do Bonsenhor que furou, mas isto não foi nenhum problema para o Javalama (César) que em menos de 15 minutos remendou o pneu sem tirar a roda, usando as super técnicas mega power de remendex.

  

Seguimos mais adiante e nos deparamos com rios, lama, estivas de madeira, tombos dos mais variados tipos e muita adrenalina, mas tudo isto também não foi nenhum problema para as equipes que passaram por todos esses obstáculos utilizando as super técnicas de pilotos de enduro e trial.

 

Chegamos no outro lado da trilha por volta as 13:00 h, já no Estado de São Paulo. Seguimos mais 60 km de estradão até chegarmos em Cananéia às 15:30 h, onde fomos recebidos com fogos, carreata pelo centro da cidade e café da tarde, no Hotel Sol a Sol, com refrigerantes e salgadinhos.

 

A volta foi no domingo onde saímos de Cananéia às 09:00 h, com muito mais adrenalina devido à chuva forte que caiu durante a noite. Na trilha as dificuldades aumentaram e concluímos nosso trajeto no Cacatu por volta das 16:00 h.

Todo o evento foi registrado com fotos e 03 pontos de filmagens, sendo 02 fixas com Jorge Cancella e Rodolfo e uma móvel no capacete do Bonsenhor.

O lançamento do DVD está programado para 04/12/2006, em Paranaguá, ainda em local não definido, onde todos serão convidados a participar desta confraternização.

   
 

COMENTÁRIOS

Bonsenhor: “Tudo ocorreu dentro dos conformes, houve respeito, companheirismo e muita descontração, mas o que mais me impressionou foi a bravura do grupo Red Jegue que chegou em Cananéia por volta das 19:00 h, alegres, cansados e felizes, comentando sobre 04 pneus furados e uma moto abandonada no meio da trilha. Os meus parabéns, pois vocês além de serem trilheiros também são muito guerreiros. E também não posso deixar de citar as palhaçadas do nosso amigo Braguinha da equipe Galo Véio.... Braga, pessoas como você é que fazem a vida ficar sempre melhor e sem você este evento não seria tão divertido.”

 

Borboleta: “Quero agradecer o convite, e dizer que estava muito bom e bem legal. Organizado, com jaleco, rádio, um organizador por equipe, filmagens e fotos. Trajeto com paradas estratégicas, para unificar o grupo. Quanto a alguns estresses, que cada líder do grupo resolvesse. Para mim, foi um prazer muito grande, andar junto com dois grandes nomes do esporte off road, que foram o CANCELA E O MIKODA, por este motivo, carregar a mochila de equipamentos do Cancella, para mim foi uma satisfação. Não posso esquecer dos componentes mais novos, pelo menos em nomes, que muito contribuíram para o sucesso do evento. Hotel, recepção, janta, café show de bola. AGRADEÇO À TODA A EQUIPE JAVALAMA, e quando quiserem fazer trilha aqui em Curitiba, me mandem um e-mail ou telefonem. Terei o maior prazer de acompanhar, receber e levar todos para almoçar no Bar do Paulo, que é o ponto de encontro dos trilheiros de Curitiba e muito obrigado mais uma vez. Contem sempre com os AMIGOS DO BORBOLETA.”


 

Rodrigo Krinert: “Partimos sábado 08:30 h de Antonina (Cacatu) e pelo caminho tivemos 03 baixas... (Jair Javalma / Adriano Galo Véio / Matinhos). A trilha não estava tão pesada pois havido chovido pouco - o que não diminui o nível de diversão. Pois mesmo assim houve bastante lama e tombos... Às 14:30hs começaram a chegar na Balsa os primeiros elementos... A equipe Red Jegue (Ctba.) deu um show... ficaram por último devido a problemas com as motos (ex.: Miltão e seu pneu mais de 03x furado). E ainda assim chegaram juntos e animados... O clima foi de animação e humor do começo ao fim... principalmente graças a elementos como o Braga (cavaleiro da trilha), Donizete e outros... Destaque para a organização e atendimento do pessoal de Cananéia (Sr. Luís hotel, Sr. João Guia) que foi primoroso. A volta de maneira geral foi mais tranqüila, onde cada equipe aproveitou para curtir ainda mais o deslocamento e principalmente a trilha...”


 

Nelson Zebato: “Em nome dos Galo Véio, gostaria de parabenizar a equipe Javalama pelo evento, foi tudo show de bola mesmo. Dentro da nossa equipe foram unânimes os comentários: só coisas boas. Sempre é um grande prazer fazer trilha com os AMIGOS do Javalama, podem sempre contar com a gente. E com certeza iremos marcar uma trilha aqui em Curitiba. Quanto ao Braga, vocês tiveram que agüentar só dois dias, imagine nós que temos que agüentar todos os finais de semana? ha ha ha... Mais uma vez muito obrigado por nos incluir nesta aventura.”

Nei: "Nós da equipe RED JEGUE agradecemos a todos os JAVALAMAS (em especial ao Rodrigo, claudio e Elias) pela dedicação e  competência para a realização deste evento. Estava show, mas...como todo bom trilheiro, temos que saber superar todos os desafios que o esporte nos proporciona (3 furos de pneu,1 tombo, 1 queda da ponte e 1 pane seca ) ... sendo assim, com um pouquinho de atraso, chegamos as 19:50 em Cananéia para surpresa de muitos ...rsrs. Parabéns a todos que participaram, mesmo não conseguindo completar o percurso, pois só o fato de encarar esse desafio já é uma vitória... e espero estar na próxima, e desta vez iremos chegar junto......  ps: ah! a volta também foi punk!!!!   rsrs...... abraços a todos da equipe RED JEGUE: ZOIO, GEGE, MILTON, BRUNO e SANDRO."

 

Fabiano: "Parabéns ao pessoal do Javalama pela organização e pela oportunidade de fazer a trilha do telegrafo, sem falar das novas amizades."

Rodolfo (Javalama): "Quero parabenizar toda a nossa equipe Javalama pelo sucesso do evento, a todos os motoclubes participantes que contribuiram para o mesmo e em especial os organizadores Everaldo Bonsenhor e Rodrigo Krinert pela dedicação e comprometimento. Deixo um abraço para os companheiros da banda podre do Javalama Lako ( vulgo Servulo de Sá ), Frank e Tabajara."

 

 

Quem somos l A diretoria l Fale conosco l Fala presidente l Natal no mato e ilhas
Campanha do agasalho l Trial e trialeiros l Motocross e pilotos l Trilhas e trialheiros
Pista do aeroparque l Pista do marreco l Calendário l Notícias
Classimotos l Galeria de fotos